Um professor e ex-conselheiro tutelar foi preso suspeito de abusar sexualmente de pelo menos seis crianças na tarde desta terça-feira (10). Ele foi preso em uma escola de Carmo de Minas (MG). Os crimes teriam sido cometidos quando ele lecionava em uma escola na zona rural de Itajubá em 2015.

A prisão aconteceu durante cumprimento de mandados da “Operação Magister”, da Polícia Civil. Segundo a polícia, as investigações começaram em julho, quando a mãe de uma das vítimas, hoje com 15 anos, informou que a criança, na época com 9, havia sido molestada sexualmente em 2015.

De acordo com a polícia, a mãe disse que o filho estava com comportamentos estranhos e cada vez mais retraído. Assim, em conversas com o adolescente, ele relatou o que acontecia na escola. Com os levantamentos, os policiais identificaram outras cinco vítimas com idades entre 9 e 11 ano na época dos crimes.

Conforme a polícia, o homem de 35 anos é professor e já exerceu o cargo de conselheiro tutelar. Ele foi preso temporariamente enquanto trabalhava em uma escola de Carmo de Minas, onde também mora. No ano em que os crimes aconteceram, o suspeito lecionava em uma escola na zona rural de Itajubá.

Conforme as investigações da polícia, o professor abordava as crianças no banheiro e as tocava em suas partes íntimas.

O professor foi levado para o Presídio de Itajubá.